Working

O Google começou numa garagem. 🙂 E outros exemplos não faltam. Por isso achei deliciosos estes pequenos vídeos com empreendedores, os bastidores, o início, os desenvolvimentos e progressos, as motivações, a falta de dinheiro, a filosofia… Em Portugal o arriscar e tentar, e em algumas tentativas falhar, o começar pequeno e modesto, é mal visto. Quem é bom e bem-sucedido começa logo em grande. Ainda não tem clientes mas já se endividou para poder andar de BMW da empresa. Nos EUA a iniciativa e as experiências de falhanço são valorizadas, é o que dizem. A pessoa é mais rica porque passou por aquilo, é mais sábia, está mais preparada para outros desafios. Faz sentido independentemente do sítio onde se está. Por que não em Portugal? Somos dos povos com maior taxa de empreendedorismo empresarial, mas é o de sobrevivência, não o da paixão, dos sonhos, da criatividade ao serviço da inovação, da ambição…

Bom, I digress. 🙂

Esta entrada foi publicada em empreendedorismo, sociedade, videos com as tags , , , , . ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.