Ciclovias pra inglês ver

Na urbanização junto à nova marina de Albufeira, no Algarve, fizeram uma “ciclovia”. No entanto não a protegeram dos carros. Como não há estacionamento frente às lojas e prédios (embora haja um estacionamento subterrâneo e imensos lugares em duas ruas uns 100 metros à frente) as pessoas não são de modas e estacionam os carros junto aos passeios, em cima da ciclovia e de parte da faixa mais à direita. Claro está que a ciclovia fica completamente obstruída e inutilizada (a tinta gasta-se e as pessoas até deixam de se aperceber que há ali uma via especial pra bicis). Um vídeo a documentar a coisa:

Ocupação da via pública, impedimento total do trânsito na ciclovia:

Urbanização da Marina de AlbufeiraCiclovia na Urbanização da Marina de Albufeira

Não desnivelamento dos passeios por onde fazem passar a ciclovia (chato prós ciclistas e prós peões!):

Ciclovia na Urbanização da Marina de AlbufeiraCiclovia na Urbanização da Marina de Albufeira

O pessoal corta as curvas e a tinta desaparece (que tal pinos?):

Ciclovia na Urbanização da Marina de Albufeira

Espaço nos passeios desaproveitado por causa dos enormes canteiros das palmeiras (as pessoas não circulam por ali e também não serve de estacionamento, já agora tinham feito um canteiro contínuo, fazia de jardim):

Escolha de ordenamento do passeio

Uma das ruas com lugares livres:

Acesso à Marina de Albufeira

Se é pra fazer ciclovias façam-nas bem! Pra fazer coisas destas mais vale não fazerem nada, nós andamos na estrada como acabamos por ter que andar e pronto.

Esta entrada foi publicada em mobilidade, videos com as tags , , , . ligação permanente.

6 respostas a Ciclovias pra inglês ver

  1. Mozilla Firefox 2.0.0.3 Windows XP

    vou-te ser sincero, está MUITO BOM ‘PA TUGA !!!

    😛

    eu vou te tirar umas fotos das pistas daqui e colocar no FlickR para te roeres de inveja 😉

  2. Mozilla Firefox 2.0.0.3 Ubuntu Linux

    É mas é uma tristeza, pá… Não me conformo com estas cenas… 🙁

  3. Sabrina diz:
    Mozilla Firefox 2.0.0.6 Windows XP

    Olá, meu nome é sabrina Rau, sou estudante de arquitetura e urbanismo estou començando uma pesquisa sobre modelos cicliviario e gostaria de saber se poderia me enviar alguma material(fotos, textos, cartazes de campanhas.
    Obrigada S
    abrina Rau

  4. Luciano Pedro - TheTraveler diz:
    Mozilla Firefox 2.0.0.7 Windows XP

    Temos novidades! Agora temos a ecovia do Algarve! Fazem-se meia dúzia de ciclovias efectivas e de resto pinta-se uma linha azul no alcatrão e já está, pedalem no meio dos carros e é se quiserem…
    Vejam o link http://www.projectobtt.com/index.php?option=com_smf&Itemid=32&topic=2539.0

  5. Mozilla Firefox 2.0.0.6 Ubuntu Linux

    Olá Luciano,

    Sim, já conheço parte dessa tal Ecovia. Inicialmente fiquei muito entusiasmada com o projecto, mas depois de espreitar parte dele perdi as ilusões. Tenho algumas fotos aqui: http://www.flickr.com/photos/anabananasplit/sets/72157601141243785/.

    Quanto às tais linhas azuis, elas não sinalizam uma “ciclovia”, nem uma “ecovia”, mas zonas de estrada partilhada por carros e bicicletas. Claro que isto é o padrão, pois as bicicletas são para andar na estrada e os automobilistas têm que respeitar os ciclistas. Penso que usaram estas linhas para indicar “sharrows” (vê este post: http://www.cenasapedal.com/blog/2007/08/07/sharrows/). Mas acho que não servem de nada, apenas para gastar dinheiro futilmente, pois os sinais desaparecem num ápice…

  6. José diz:
    Internet Explorer 7.0 Windows XP

    Já vou um pouco atrasado e talvez esta situação já tenha sido corrigida. Se assim for tanto melhor.
    Quando vi o filme fiquei estarrecido. O ciclovia foi mal pensada. Os veiculos estacionados sobre a ciclovia deviam ser multados ou rebocados, pensei num primeiro momento. Mas se assim fosse os comerciantes revoltar-se-iam contra a ciclovia e passariam a ser eles os “enimigos” da ciclovia. É dificil agradar a gregos e a troianos. Cometeu-se um erro? Sim, mas fez-se qualquer coisa. Com os erros aprendemos (espero). Temos de ser positivos, o teu filme é uma boa ajuda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.